• Há mais de 20 anos no mercado
  • 11 3052-3311
Generic selectors
Exact matches only
Buscar nos títulos
Buscar no conteúdo
Buscar nos posts
Buscar nas páginas
Vídeos
Insights
Finanças corporativas
Novidades
Destaques
quem somos

Empresa

Fundada em 1996, a Tendências Consultoria Integrada consolidou-se como uma referência em soluções em economia e finanças corporativas. O nosso compromisso é ajudar os clientes a entender as questões econômicas e a navegar pelas especificidades dos mais variados setores, identificando riscos e oportunidades para negócios e investimentos.

Nossa credibilidade foi construída a partir da combinação de uma análise técnica de qualidade e do conhecimento e experiência de sócios com ampla respeitabilidade, apoiados por uma equipe cujas principais características são o profissionalismo e a sólida formação acadêmica.

Buscamos evoluir constantemente para oferecer as mais atualizadas soluções, que integrem o conhecimento em diversos campos da economia e de finanças à expertise nas questões mais relevantes para empresas e entes públicos.

Com confidencialidade e exclusividade em boa parte dos nossos trabalhos, não possuímos conflitos de interesse. Prezamos pela independência e isenção de nossas opiniões e análises.

Gustavo Loyola

Doutor em economia pela EPGE-FGV, foi Diretor de Normas do Mercado Financeiro e posteriormente Presidente do Banco Central, por duas vezes (1992-1993 e 1995-1997). Participa de conselhos de administração de diversas empresas. Foi escolhido “Economista do Ano” em 2014, pela Ordem dos Economistas do Brasil.

Nathan Blanche

Empresário do mercado financeiro, foi presidente da ANORO. Dedicou-se à normatização e desenvolvimento dos mercados de ouro e câmbio, inclusive, dos mercados futuros. Posteriormente, tornou-se sócio fundador da Tendências.

Mailson da Nóbrega

Economista, foi ministro da Fazenda de 1988 a 1990, após longa carreira no Banco do Brasil e no setor público. Como ministro, presidiu o Conselho Monetário e o Confaz e integrou os boards do FMI, do Banco Mundial e do BID. Participa de conselhos de administração de empresas e é colunista da revista Veja. Foi eleito Economista do Ano de 2013 pela Ordem dos Economistas do Brasil e escreveu seis livros.

Denise de Pasqual

Economista com graduação pela Universidade de São Paulo, pós-graduação em economia do setor financeiro pela Fipe-USP e especialização em Administração para Graduados pela FGV, atuou como pesquisadora na Fipe e no Iesp (1992-1994). É Diretora Comercial da Tendências.

Ernesto M. Guedes Filho

Economista pela FEA-USP com pós-graduação na Fipe-USP, foi assessor econômico do Ministério do Planejamento, da Secretaria do Tesouro e do gabinete do ministro da Fazenda. Atua em consultoria desde 1990. É Diretor da área de estudos sob demanda e projetos da Tendências.

Frederico Estrella Valladares

Economista graduado pela UFMG, com pós-graduação em administração financeira pela Fundação Dom Cabral e mestrado pela Escola de Pós-Graduação em Economia da FGV-RJ. Trabalhou como analista de planejamento na Samarco Mineração. É Diretor da área de finanças corporativas da Tendências.

Alessandra Ribeiro

Mestre em Economia e Finanças pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e graduada pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Atuou como analista de mercados na BM&FBovespa e, na Tendências, já  foi responsável pela área internacional, mercados financeiros, atividade, inflação e política monetária. Atualmente, é Diretora da área de macroeconomia e política.

Adriano Pitoli

Diretor da área de análise setorial e inteligência de mercado da Tendências. Mestre em economia pela FEA-USP, com graduação pela mesma Universidade. Tem mais de 15 anos de experiência na área de consultoria econômica, com especialização na elaboração de cenários regionais e setoriais e em trabalhos de inteligência de mercado.

Camila Saito

Mestre em Economia da FGV-SP e economista graduada pela FEA-USP. Possui mais de 8 anos de experiência em consultoria econômica. Na Tendências é coordenadora de trabalhos especiais de cenários regionais e de classes de renda.

Fabiana Tito

Doutora em Teoria Econômica pela FEA-USP, Mestre em Economia da Concorrência e Regulação pelas Instituições Universitat Pompeu Fabra e Universitat Autònoma de Barcelona (Espanha) e economista graduada pela FEA-USP, com especialização na FGV-SP em Direito Econômico. Foi Coordenadora-Geral da Secretaria de Direito Econômico (SDE) do Ministério da Justiça de 2004 a 2007. Possui experiência em consultorias internacionais da área antitrust e trabalhou na Autoridade da Concorrência Britânica (Competition Commission) em 2009. Sócia da Tendências, é também Conselheira do Ibrac e reconhecida pelo Who’s Who Legal como Consultora Especialista e em Defesa da Concorrência.

Eric Universo Rodrigues Brasil

Doutor e Mestre em Teoria Econômica pela FEA-USP e bacharel em Ciências Econômicas pela FECAP. É pesquisador e professor de microeconomia e métodos quantitativos da FECAP. Foi membro do Conselho de Administração do Grupo Ultrafarma. É sócio da Tendências e possui mais de 10 anos de experiência no desenvolvimento de estudos, projetos e pareceres econômico-financeiros.

Mariana Oliveira

Mestre em Economia pela FEARP-USP, com graduação pela FEA-USP. Tem mais de 6 anos de experiência em consultoria econômica. Na Tendências é coordenadora de trabalhos especiais de estimação de demanda, sendo também a principal responsável pelos setores de Construção civil, Transporte & logística e de Seguros.

Rafael Cortez

Doutor em Ciência Política pela USP. Professor universitário, é especialista em instituições brasileiras, política comparada e economia política. Na Tendências, responde pela análise política.

Walter de Vitto

Mestre em economia pela FEA-USP e administrador de empresas pela FGV-SP. Possui experiência nos setores público (ARTESP) e privado (Banco Votorantim). Na Tendências, é coordenador de trabalhos especiais de inteligência de mercado em suprimentos, sendo também o principal responsável pelos setores de Energia elétrica e Petróleo, gás & derivados.

Silvio Campos Neto

Mestre em economia pela FGV-SP e economista graduado pela FEA-USP. Atuou por seis anos como economista-chefe do Banco Schahin e é professor de macroeconomia das Faculdades Oswaldo Cruz. Economista-sênior da Tendências desde 2011, é responsável pelo acompanhamento de mercados e economia internacional.

Elizabeth Maria Mercier Querido Farina

É professora titular da Faculdade de Economia, Administração e Contábeis da Universidade de São Paulo. Possui graduação em Economia pela Universidade de São Paulo (1976), doutorado em Economia (1983) e Livre-Docência (1996) pela mesma Universidade. De 2002 a 2004 foi Chefe do Departamento de Economia da USP. De 2004 a 2008 foi Presidente do Conselho Administrativo de Defesa Econômica, Ministério da Justiça. Atualmente, está licenciada da Tendências para atuar como Diretora Presidente da União da Indústria da Cana-de-Açúcar (UNICA).

Alexandre Soares

Bacharel em Física pelo Instituto de Física de São Carlos da Universidade São Paulo (IFSC-USP) e em Ciências Econômicas pela FEA-USP, é aluno do MBA Executivo em Business Analytics e Big Data.

André Luiz Pereira Mancha

Mestre em Ciências Econômicas pela EESP-FGV e Bacharel em Ciências Econômicas pela FEA-USP.

André Ricardo Noborikawa Paiva

Mestre em Economia Aplicada pela ESALQ-USP e bacharel em Ciências Econômicas pela FECAP, é aluno do MBA em Gestão Financeira e Econômica de Tributos da FGV-SP.

Angelo Marcantonio Junior

Mestre em economia pela UFRJ e Bacharel em Economia pela PUC-SP.

Arthur Moretão

Mestre em Economia e Finanças pela EESP/FGV e Bacharel em Administração de Empresas pela FEA/USP. Possui experiência no desenvolvimento de planos de negócios, estudos de viabilidade e avaliação econômica de empresas. Foi Trainee de Equity Research no Banco Itaú BBA.

 

Barbara Fernandes

Bacharel em Ciências Econômicas pela FEA-USP. Na Tendências, acompanha os setores de Energia Elétrica, Gás Natural e Petróleo e derivados.

Carla Rossi

Mestre em Gestão e Políticas Públicas pela FGV-SP e graduada em economia pela FEA-USP.

Débora Mazetto

Mestra em Ciências Econômicas pela Escola de Economia de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (EESP-FGV) e Bacharel em Ciências Econômicas pela FEA-USP.

Isabela Tavares

Economista graduada pela Universidade Federal do ABC e Bacharel em Ciências e Humanidades pela UFABC. Na Tendências, acompanha os setores de Comércio varejista, Crédito & Sistema financeiro e Automotivo.

Fabio Klein

Doutor em Administração Pública e Governo (FGV-SP) e Mestre em Desenvolvimento Econômico (Universidade de Nottingham no Reino Unido), é graduado em Administração Pública (FGV-SP) e Ciências Sociais (USP). Tem experiência no setor governamental e no setor privado financeiro. Em 2014, teve trabalho premiado no Prêmio Ministério da Fazenda de Economia. Na Tendências, atua como analista de finanças públicas.

Felipe Beraldi

Mestre em Economia e Finanças pela FGV-SP e economista graduado pela FEA-USP. Na Tendências, coordena trabalhos especiais de cenários setoriais e é o responsável pelos setores de Mineração & siderurgia e de Bens de capital.

Felipe Novaes

Economista graduado pela FEA-USP. Na Tendências, acompanha os setores do Agronegócio.

Guilherme Costa

Mestre em economia pela Universidade de Tilburg, graduado em Economia pela PUC-SP e Atuária pela FEA-USP. Na Tendências, é responsável pelos setores de Embalagens, Farmacêutico e Químico & Petroquímico.

Gabriela Fuschini

Mestra em Economia pela London School of Economics (LSE) do Reino Unido e Bacharel em Economia pela EESP/FGV.

Leonardo Palhuca

Bacharel em Administração Pública com trilha em finanças pela FGV-SP e Mestre em Economia pela Albert-Ludwigs-Universitat Freiburg, Alemanha.

Lucas Assis

Bacharel em Ciências Econômicas pela FEA-USP. Na Tendências, atua em trabalhos especiais de cenários regionais e estaduais.

Lucas Souza

Mestre em Economia Aplicada pela FEA/RP-USP e bacharel em Ciências Econômicas pela Universidade Federal de Viçosa (concluído na University of Guelph/CA). Na Tendências, monitora atividade econômica com ênfase na trajetória industrial.

Luísa Rocha Portilho

Bacharel em Ciências Econômicas pela FEA-USP.

Marcio Milan

Bacharel em Ciências Econômicas pela PUC-SP. Na Tendências, acompanha inflação.

Mariana Palandi M. Pacheco

Economista graduada pela PUC-SP, com experiência em finanças corporativas e análises de viabilidade econômico-financeira. Atuou como trainee e consultora na área de Valuation da EY.

Mirela Scarabel

Doutora e Mestre em Teoria Econômica pela FEA-USP e bacharel em Ciências Econômicas pela mesma instituição, possui mais de 6 anos de experiência no mercado financeiro.

Robinson Aparecido Silva

Mestre em economia pela FGV-SP e Bacharel em Ciências Econômicas pela FEA-USP.

Rodolfo Oliveira

Mestre em Economia Aplicada pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (FEA-RP/USP) e Bacharel em Ciências Econômicas pela Faculdade de Economia, Administração e Ciências Contábeis da Universidade São Paulo (FEA/USP). É professor de economia da Fundação Santo André. Já atuou em análise econômica na BRF e tem experiência em pesquisa nas áreas de macroeconomia e mercados.

Samanta Imbimbo

Economista graduada pela FEA-USP. Na Tendências, é responsável pelos setores de construção civil e transporte e logística.

Thiago Oliveira Nascimento

Mestre em Teoria Econômica pela FEA-USP e Bacharel em Ciências Econômicas pela UnB.

Thiago Xavier

Bacharel em Ciências Econômicas pela PUC-SP e graduado em Filosofia pela USP. Na Tendências, acompanha atividade econômica.

Yasmin Riveli

Economista graduada pela FEA-USP. Na Tendências, acompanha os setores de Mineração & siderurgia e de Bens de capital.

parceiros

A Tendências e a Neoway, empresa líder especializada em pesquisas no setor da construção, uniram suas expertises e know-how para criar um poderoso sistema de monitoramento e análise do mercado da construção, o Monitor da Construção Civil (MCC).
Através do MCC, analistas e gestores de diversos setores e segmentos de mercado têm acesso a um amplo conjunto de índices inéditos sobre o setor da construção civil.

Acesse o site

O Ranking de Competitividade dos Estados, criado pelo Centro de Liderança Pública (CLP), é uma importante ferramenta para gerar diagnósticos e direcionamentos para a atuação dos governos estaduais do Brasil, com o intuito de promover boas práticas na administração pública. Em 2015, em sua quarta edição, a Tendências passou a ser a responsável técnica pela apuração do ranking.

Acessar o site

O Índice ABCR de atividade foi criado em 2002, a partir de uma parceria da Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR) com a Tendências. O indicador mede o fluxo de veículos das rodovias pedagiadas sob concessão privada e tornou-se relevante instrumento para mensurar o desempenho da economia brasileira, pois seu desempenho está estreitamente relacionado à atividade de setores da indústria. A importância do Índice ABCR foi ampliada com sua incorporação no cálculo do PIB em 2012 pelo IBGE.

Acessar o site

A Tendências produz, desde 1998, análises econômicas distribuídas através do serviço Tendências On-Line, produto integrante da plataforma Broadcast+ da Agência Estado, empresa líder do mercado de informações econômicas em tempo real.

Acesse o site

Formada em 2013, a Aliança Latino-Americana de Consultorias Econômicas (LAECO) é uma parceria estratégica entre consultorias econômicas independentes e renomadas em seus respectivos países, que colaboram para oferecer análises e soluções sob medida e de alta qualidade sobre a região.

Acesse o site

Cadastre-se em nossa newsletter e fique por dentro de todas as novidades do mercado econômico e financeiro.