E-mail:    Senha:     
 

   Languages 

 

Crédito: inadimplência termina 2016 em trajetória cadente


As taxas de inadimplência do crédito livre mostraram trajetória cadente no fim de 2016, com quedas sequenciais em novembro e dezembro. No período, a inadimplência do crédito livre à PF manteve-se resistente ao cenário adverso e caiu 0,2 p.p., fechando o ano em 6,0%. Por sua vez, o indicador na carteira livre PJ recuou 0,4 p.p. , fechando em 5,2% - menor patamar desde julho de 2016, mas ainda bem acima dos níveis do primeiro semestre.


Com relação aos spreads médios do crédito livre, também se observou queda em dezembro, sob efeito de redução na participação das linhas rotativas nas carteiras típica do fim de ano – porém, os patamares seguem acima dos de dezembro de 2015. Para 2017, a expectativa é de que os spreads mostrem estabilidade, o que deverá permitir redução das taxas de juros finais aos tomadores.

Quanto ao estoque de crédito, o pior desempenho do ano foi observado na carteira à PJ, mas a evolução do saldo total à PF também continua negativa em termos reais. Para 2017, nossa projeção é de leve aumento do saldo total em termos reais ante 2016, com expectativa de dinâmica semelhante para as carteiras à PF e PJ.

 

Figura: Taxa de inadimplência do crédito livre à pessoa física e jurídica (% saldo)

Fonte: Banco Central

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Rua Estados Unidos, 498 - Jardins - São Paulo/SP - CEP 01427-000 - Telefone +55 (11) 3052-3311